Sobre o LEV
O terceiro milênio se aproxima e as mudanças na educação vêm com ele. Nessa transformação, o homem ao longo do tempo, modificou as formas de produzir bem como reproduzir os meios de sua própria sobrevivência, modificando também suas relações humanas, ocasionando alterações na maneira de se comunicar e de se educar. Podemos dizer que está surgindo um novo paradigma em educação. Hoje os novos paradigmas da educação estão a exigir ações ágeis, flexíveis e posturas inovadoras nas formas de ensinar e aprender.

Refletindo sobre o prisma da docência, precisamos entender qual a influência dos paradigmas tanto do professor quanto dos alunos. Em nossa trajetória acadêmica certamente vivenciamos diversos modelos de professores em atuação. Provavelmente alguns dominavam mais técnicas de ensino do que outros, ou conheciam melhor os elementos da comunicação. E estes modelos, ou exemplos permearam nossos pensamentos constituindo-se paradigmas.

Uma das dificuldades que geralmente ocorre é a de modificar o paradigma tradicional de ensinar e aprender. A maior parte dos indivíduos recebeu na sua infância, adolescência e juventude um modelo de educação tradicional onde o professor era o leitor, ele apenas lia a matéria nos livros didáticos e punia os alunos com as avaliações através de ameaças como: “prestem atenção, está chegando o dia da prova”. O aluno, em conseqüência deste modelo, tornava-se um receptor passivo. Ele ouvia as explicações e nada mais. A sala de aula era um ambiente de escuta e recepção. Dava para ouvir o barulho de uma mosca. O centro na sala de aula era sem dúvida o professor. O aluno aprendia aquilo que o professor ensinava e jamais o aluno ensinaria ao professor, pois caso tentasse seria certamente advertido. Este é um pequeno exemplo e não raro da dificuldade que alguns professores têm em encontrar a melhor forma de educar. Infelizmente esta e outras metodologias não adequadas ao processo de ensinar e aprender estão presentes dentro dos espaços educacionais pelo Brasil afora. Se fizermos uma retrospectiva histórica perceberemos que a construção dos métodos de ensino teve na maior parte das vezes os interesses e necessidades do educando desconsiderados.

Desta forma, com o objetivo de aperfeiçoar a docência, propomos o Laboratório de Ensino Virtual – LEV. O projeto consiste em uma micro-experiência de ensino desenvolvida dentro de uma programação estruturada de forma seqüencial e graduada. Os participantes deste projeto, alunos dos cursos de Pedagogia e Normal Superior, realizarão várias reflexões e discussões assíncronas através de fóruns on-line acerca do processo de ensino e aprendizagem. A seguir serão propostas discussões sobre como elaborar um planejamento de uma aula, passando pela definição dos objetivos, dos conteúdos, da metodologia e dos recursos de ensino. Estas discussões resultarão na elaboração de um plano de aula que será executado posteriormente através de vídeo conferência. Juntamente com os professores orientadores, este material será analisado à luz da didática moderna e reestruturado para compor um mini curso que mais tarde será aplicado em uma escola pública.

Acreditamos desta forma estar contribuindo para o aperfeiçoamento do desempenho dos participantes em situações de aula.
UNOPAR - Unopar Virtual - SEPC - Sistema de Ensino Presencial Conectado - 2008 - 2008
Valid CSS!