Artigos

ABREU, Simone Aparecida Kraus de; FAGUNDES, Elizabeth Macedo. Brinquedoteca hospitalar: sua influência na recuperação da criança hospitalizada. VOOS Revista Polidisciplinar Eletrônica da Faculdade Guairacá. Vol 02 ed 01 (Jul. 2010), Caderno de Ciências Humanas.

BENEDET, Marina Corbetta; ZANELLA, Andréa Vieira. Brinquedoteca na escola: tempos/espaços e sentidos do brincar. Arquivos Brasileiros de Psicologia; Rio de Janeiro, 63 (2): 1 – 121, 2011.

FERRONATO, Raquel Franco; BIANCHINI, Luciane Guimarães Batistella; PROSCÊNCIO, Patrícia Alzira. A infância e o direito de brincar: da didatização do lúdico à expressão livre das crianças. Revista Zero-a-seis. V. 19, n. 36, p. 445-463.

FREITAS, Léia Gonçalves. Brinquedoteca e o professor brinquedista na Educação em Ambiente não escolar. Revisto Plurais – Virtual – v. 2, n. 1 – 2012.

JURDI, Andrea Perosa Saigh; AMIRALIAN, Maria Lucia Toledo Moraes. Cuidados com a infância e a adolescência por meio de brinquedoteca comunitária. Estudos de Psicologia. Campinas, 2012.

KIHIMOTO, Tizuko Morchida; ONO, Andréa Tiemi. Brinquedo, gênero e educação na brinquedoteca. Pro-Posições, v. 19, n. 3 (57) – set./dez. 2008.

NEZ, Egeslaine de; MOREIRA, Janete Aparecida Nicastro Moreira. Reflexões sobre a utilização da brinquedoteca na Educação Infantil: um estudo de caso no Norte do Mato Grosso. Rev. Fac. Educ. (Univ. do Estado do Mato Grosso), vol. 19, ano 11, n. 1, p. 129-145, jan./jun. 2013.

OLIVEIRA, Ivone Martins de; GEBARA, Ademir. Interação, afeto e construção de sentidos entre crianças na brinquedoteca. Educação e Pesquisa, São Paulo, v. 36, n. 1, p. 373-387, jan./abr. 2010.

VECTORE, Célia; KISHIMOTO, Tizuko M. Post rás do imaginário infantil: explorando a brinquedoteca. Psicologia Escolar e Educacional, 2001. Volume 5, no. 02.

VOLPINI, Maria Neli; TEIXEIRA, Hélita Carla. A importância do brincar no contexto da educação infantil: creche e pré-escola. Cadernos de Educação: Ensino e Sociedade, Bebedouro – SP, 1 (1): 76 – 88, 2014.